Case de Sucesso: Gladiadores do Céu, de Ulisses Vakirtzis

///Case de Sucesso: Gladiadores do Céu, de Ulisses Vakirtzis

“A História é escrita pelos vencedores”, afirmou o escritor George Orwell algumas décadas atrás. E esse é um fato que incomodava Ulisses Vakirtzis. Formado em História pela Universidade de São Paulo, o período da Segunda Guerra Mundial sempre chamou sua atenção e há muito tempo nasceu e foi se desenvolvendo a vontade de escrever um livro ambientado nessa época. Dessa forma, ele publicou pela Editora Saramago, selo da Editora Albatroz, a obra Gladiadores do Céu.

Sinopse

O cenário é a Alemanha nazista e retrata fatos desde a invasão Aliada na Normandia, o famoso dia “D”, em junho de 1944, até maio de 1945. “Queria explorar o lado humano do combatente, daquele que fica na linha de frente”, conta Ulisses, que decidiu por esse viés por saber que nem todos aqueles que lutaram na batalha mais sangrenta do século passado eram nazistas. “Sendo assim escolhi contar a história Theo, um piloto alemão, fictício, no final da guerra, mas o contexto histórico é verdadeiro, inclusive a criação do primeiro esquadrão de caças a jato a entrar em combate. A maior parte dos personagens é real, mas alguns são ficcionais para dar liga no enredo”, explica.

Dramas psicológicos, juízos de valor e busca de identidade estão entre os assuntos do livro. Segundo o autor, a guerra não é um tema que se deva valorizar, porém se faz necessário reconhecer o papel dos combatentes numa guerra que eles não escolheram, mas tiveram que lutar. “A referência às tropas SS, em alemão Schutzstaffel, que se traduz por tropas de proteção, não é, em hipótese alguma, uma apologia ao regime nazista. Pelo contrário, retrata a questão dos valores comuns aos combatentes, como honra, companheirismo e fidelidade e, principalmente, a seus companheiros de luta”.

Capa de Gladiadores do Céu

Por ser formado em História, Ulisses foi extremamente criterioso quanto o contexto histórico, então o leitor vai encontrar fatos bastante acurados sobre a Segunda Guerra. A criação do livro, segundo o autor, demorou cerca de 10 anos, porque sua intenção enquanto pesquisava o tema não era a publicação. “Então fui criando a história tranquilamente. Além disso, todas as leituras que fiz sobre o tema me deram confiança no processo de criação. Queria captar o perfil psicológico da personagem principal e quando isso ocorreu o livro fluiu com ímpeto. Cada capítulo do livro foi pensado como uma cena de um filme e creio que isso deu um dinamismo legal para o enredo”, comenta.

Quando indagado tanto por nós quanto pelos leitores se Gladiadores do Céu vai ser ter continuação ou será um livro único, Ulisses afirma que pensa em escrever mais obras ambientadas na Segunda Guerra Mundial. Empolgado no processo de escrita, ele diz que em breve apresentará novidades.

Gladiadores do Céu foi publicado pela Editora Saramago e o escritor comenta que gostou do atendimento e do compromisso de todos na empresa no quesito suporte ao autor. “Convido todos a participarem dessa aventura e aprender um pouco mais sobre a história do período e o lado pouco explorado do combatente alemão”, finaliza.

Para adquirir Gladiadores do Céu e outros livros da Editora Albatroz e dos seus selos Saramago e Albatrozinho, clique aqui.

Por Teca Machado

By |2020-08-31T21:25:09-03:0031 de agosto de 2020|

Deixar Um Comentário